Júri e Premiação

CEN 2016

Kiko Ferraz Studios, Lilit, Psycho & Look e Locall são as empresas apoiadoras do CEN 2016, e que entregarão prêmios em serviços aos autores de algumas das obras premiadas no festival deste ano. O Júri, formado por Eduardo Veras, Ivonete Pinto e Vicente Moreno, será responsável pela definição dos filmes dintinguidos, bem como pela premiação a eles associados.

Confira a lista de premiação e o Júri do CEN 2016:

 

 

 

PREMIAÇÃO

 

Kiko Ferraz Studios
- 40 horas de edição de som
- 12 horas de mixagem
- 6 horas de foley
- 4 horas de estúdio para dublagem

 

 Lilit – Laboratório Digital
- Preparação de 5 diárias de material bruto para montagem, incluindo: conversão com LUT offline para software de edição, sincagem por timecode e/ou claquete, organização no software de edição.
- Backup duplo em fitas de LTO 05*
*até 5tb sem incluir a mídia (fita de LTO05), apenas o serviço

 

Psycho n’Look
- 10 horas de correção de cor
- 1 DCP de um filme de até 15 minutos

 

Locall
- R$ 5.000,00 (cinco mil reais) em aluguel de equipamentos a serem resgatados nas filiais dos estados de São Paulo, Curitiba ou Porto Alegre.

 

 

JÚRI

 

Eduardo Veras é professor do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), atuando no Bacharelado em História da Arte e no Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais. É membro do Comitê Brasileiro de História da Arte. Integra o Conselho Deliberativo da Fundação Vera Chaves Barcellos e o Comitê de Acervo e Curadoria da Fundação Iberê Camargo.

Ivonete Pinto é jornalista, doutora em Cinema pela USP; professora no curso de Cinema da UFPel; editora das revistas Teorema e Orson; sócia fundadora e ex-vice-presidente da Abraccine – Assoc. Brasileira de Críticos de Cinema; sócia-fundadora e ex-presidente da Accirs (Assoc. e Críticos de Cinema do RS); participou de júris em festivais como Gramado, Mar del Plata, Teerã, Cine Ceará,  Mostra de São Paulo, Havana, Cartagena e FestRio. É autora dos livros A Mediocridade, Descobrindo o Irã e Samovar nos Trópicos.

Vicente Moreno atua como diretor, roteirista e montador. Entre seus trabalhos recentes está o curta Depois da Avenida, a série Grandes Cenas e o longa Dromedário no Asfalto, do qual foi montador e produtor executivo. Graduou-se realizador audiovisual pela UNISINOS, onde atualmente é professor de montagem e roteiro, e concluiu seu mestrado em comunicação pela PUCRS, com ênfase em narratologia. Foi também professor convidado na CINETVPR em Curitiba e na Especialização em Cinema da UNISINOS.

_______________________________________________________

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *