Confira a lista das estreias internacionais, nacionais e locais do CEN-E

# Videoinstalação “Time and the wave”, de William Raban, foi finalizada no início de junho e terá première no dia 22/06 a partir das 12h na Usina do Gasômetro.

# Entre os artistas brasileiros, destaque para a estreia nacional do curta “Tremor”, de Ricardo Alves Jr., e da pré-estreia de “Doce Amianto”, longa de Guto Parente e Uirá Reis.

# Confira a programação por dia, hora e local aqui.

 

A programação do Cine Esquema Novo Expandido está recheada de estreias de filmes e também de exibições de obras que nunca tinham ganhado as telas das salas de cinema ou os ambientes dos espaços expositivos de Porto Alegre. A começar pelo convidado especial William Raban, que promoverá durante o festival a estreia mundial da videoinstalação “Time and the Wave”, que dá sequência à investigação sobre a forma do filme-crônica que o artista já havia exercitado em outra obra, que também será exibida no CEN-E: “About Now MMX”, de 2010.

Em “Time and the Wave”, Raban apresenta um olhar às manifestações públicas ocorridas em Londres em 2012 e 2013 por ele filmadas, como a inauguração do shopping Westfield, em Strafford; o protesto Occupy Saint Paul; o cortejo fluvial do jubileu da Rainha Elizabeth; e o funeral de Margaret Thatcher. O objetivo, segundo o próprio artista, é criar um retrato do estado atual da economia cultural da Inglaterra, e da própria condição do país de forma mais ampla.

“Time and the Wave”, “About Now MMX” e ainda “The Houseless Shadow” (2011) estarão à disposição do público nas galerias Iberê Camargo (térreo) e Lunara (5. andar) da Usina do Gasômetro a partir do sábado 22 de junho, às 12h, em vernissage acompanhada pelo próprio Raban.

Já o cineasta mineiro Ricardo Alves Jr. traz para o Cine Esquema Novo Expandido duas estreias: o curta-metragem “Tremor” (2013) e a videoinstalação “Tormenta Ressonante” (2013), concebida especialmente para o CEN-E em parceria com Viviane Ferreira. “Tremor” será exibido na sexta 21/06 às 19h no Cine Santander Cultural (seguido de seminário proferido pelo diretor), enquanto que “Tormenta Ressoante” estreia ao lado de todas as demais videoinstalações dos artistas convidados do CEN-E na terça, 25/06, em vernissage a partir das 19h na Galeria Ecarta. “Tremor” volta a ser exibido no dia 25 às 19h no mesmo Santander Cultural (veja imagem abaixo).

Tormenta Ressonante
Outro trabalho também concebido especialmente para  CEN-E é a videoinstalação “Hai Kai, indícios de vida sob a pressão do tempo” (2013), de Sérgio Borges. A obra acompanha as demais videoinstalações do CEN-E na Galeria Ecarta, de 25 a 30 de junho. O cineasta, que exibiu na última edição do festival o premiado longa-metragem “O Céu Sobre os Ombros”, volta ao CEN com algumas de suas obras mais representativas, incluindo um filme de 1996 que nunca foi exibido na capital gaúcha, o curta “Querida Nora” (Domingo 23/06, 17h, Cine Santander Cultural).

Também é destaque na programação do CEN-E a pré-estreia de “Doce Amianto”, longa-metragem dirigido por Guto Parente e Uirá dos Reis, que será exibido pela primeira vez em Porto Alegre na quinta-feira 27/06. às 19h no Cine Santander Cultural, seguido de seminário proferido pelo diretor convidado Guto Parente. O filme, um dos destaques deste ano na 16ª Mostra de Cinema de Tiradentes, ganhará distribuição nacional pela Vitrine Filmes no segundo semestre. Confira abaixo uma imagem de “Doce Amianto”.

DOCE AMIANTO_02

O duo Distruktur, formado por Melissa Dullius e Gustavo Jahn, traz a Porto Alegre pela primeira vez o programa “Navegação” (quarta 26/06, 19h no Cine Santander Cultura, seguido de seminário proferido pelos artistas). Experiência visual realizada a partir de um conjunto de filmes e imagens de arquivo produzidas pela própria dupla e acumuladas ao longo dos últimos sete anos, “Navegação” combina imagens e sons em um fluxo onírico, e revela uma percepção de mundo específica que só pode ser comunicada de forma não-verbal, através de intensidade, ritmo e forma, em uma linguagem puramente pictórica.

Dos 16 curtas-metragens que compõem o conjunto de filmes de Carlosmagno Rodrigues na programação do Cine Esquema Novo Expandido, oito são inéditos em Porto Alegre. Entre eles estão obras de diferentes fases da trajetória do cineasta: de “Michelangelo Antonioni”, de 1995, ao bem mais recente “Sebastião – O Homem que Bebia Querosene”, de 2007, o programa de Carlosmagno Rodrigues no CEN-E oferece uma retrospectiva bastante representativa do seu trabalho – sábado 22/06, às 17h e 19h (seguido de seminário proferido pelo artista) e terça 25/06 às 15h, no Cine Santander Cultural.

Vale lembrar que todos os artistas brasileiros convidados para o CEN-E vão oferecer seminários sobre a sua obra abertos ao público. A programação com datas, horários e locais de exibição, bem como informações das demais atividades do festival, está disponível aqui.

 Por Gabriela Ramos de Almeida e Jamer G. Mello

 

 

Patrocínio

Patrocínio PetrobrasPatrocínio Governo Federeal
Correalização

Correalização Secretaria de Cultura de Porto Alegre Correalização Secretaria de Cultura de Porto Alegre
Colaboração

Colaboração Fundação Bienal do Mercosul
Apoio

Apoio Ecarta Apoio Santander Cultural

Links | Coletivos

Links | Festivais

Links | Outros

Siga o CEN


© 2013 Cine Esquema Novo Expandido